Porto City Race: Estivemos lá!

Porto City Race Final

Foram três dias de animada competição, muitos atletas e uma única paixão: a orientação. A scale2go marcou presença nos três dias e este post é o relato em 1º mão desta competição que marcou o fim-de-semana da cidade Invicta.

A 4º edição da Porto City Race, e como tiveste a oportunidade de ver no último post, começou sexta-feira com a Porto City Race by Night na Foz Velha. Apesar de a prova só ter começado às 20h, o secretariado abriu às 11h e foi também pela manhã que a scale2go chegou ao evento, onde permaneceu até ao fim. Como um dos patrocinadores oficiais, quisemos estar presentes junto de todos os atletas desde o início, para que o nome que traziam na camisola e nos peitorais não fosse apenas um nome, mas uma realidade visível.

E como novatos na orientação, podemos dizer que foi uma experiência muito positiva ver como se organiza uma competição deste género, ver o ambiente, o companheirismo entre atletas e equipas, e como cada um se prepara individualmente para a prova. O espírito competitivo está lá, mas de uma forma bastante positiva e solidária. Mas vamos voltar ao início, ao primeiro dia.

A primeira prova do Porto City Race foi noturna e teve início às 20h na Foz Velha, com partida mesmo ao lado do Forte de São João Baptista. Em paralelo com a prova profissional por assim dizer, havia a “prova aberta”. Esta era a prova para todos os que praticam orientação como passatempo ou para todos os que queriam experimentar pela primeira vez. A “prova aberta” repetiu-se aliás nos três dias da competição, tendo três percursos: curto, médio e longo. O grau de dificuldade acompanhava a distância do percurso.

Sábado foi o 2º dia de prova e o local escolhido foi o Complexo Desportivo do Monte Aventino e o Parque de São Roque. Este dia para além da “prova aberta” recebeu a prova Sprint, a Taça de Portugal de Orientação Adaptada e a última edição deste ano da Orientação na Baixa, atividade da iniciativa Baixa em Forma organizada pela Porto Lazer. Depois das provas, houve a cerimónia de entrega de prémios, referente não só às provas de sábado, mas também às de sexta. Destaque para os vencedores na etapa da Orientação Adaptada, Domingos Oliveira e Filipa Gravata, e para o ponto final na Taça de Portugal de Orientação Adaptada 2015 que consagrou Vítor Pereira e Raquel Cerqueira como os grandes vencedores dos respetivos rankings. Neste dia a scale2go para além da presença, participou com uma equipa no percurso longo da “prova aberta”, onde consegui um o 29º lugar, e juntamente com alguns outros patrocinadores do evento, medalhou alguns vencedores.

Domingo foi o dia do encerramento da Porto City Race e da etapa-rainha da competição, pontuável para a City Race Tour 2015. Os grandes vencedores foram os atletas britânicos Jack Kosky e Sophie Kirk. Neste dia estiveram presentes no Parque das Pasteleira cerca de 300 participantes, mais de metade dos quais competiram nos escalões abertos. Escalões onde a scale2go mais uma vez competiu, mais concretamente no percurso médio da “prova aberta”, onde obteve o 28º lugar. No final, e à imagem de sábado, a cerimónia de entrega de prémios, com a scale2go a medalhar alguns vencedores.

A Porto City Race é um evento organizado pelo Grupo Desportivo 4 Caminhos e pela Federação Portuguesa de Orientação, em parceria com a Câmara Municipal do Porto, através da Porto Lazer. Foi com orgulho que a scale2go se associou ao evento. Para o ano há mais. Até lá podes passar pelo nosso Facebook para ver fotos do evento, e claro está pelo site para organizares as tuas atividades. E se gostas de orientação, fica atento porque vamos ter novidades.


Deixar uma resposta

@scale2go 2016